sexta-feira, 25 de julho de 2014

Salve-me

Há quem diga que a beleza salvará o mundo, e somente por isso me ponho a fitar a tua.
Porque a tua beleza me salva, ela é inigualável.
Queria eu poetizá-la, e então a guardaria para sempre nos registros vindouros, mas a contemplação é egoísta em mim. 
Então é isso que tu recebes em retorno: os meus olhos. Dou-te de carregado mando do universo, porque não poderiam pertencer a mais ninguém enquanto me ponho a te fitar, a fitar a tua beleza.

Nenhum comentário:

Postar um comentário